3 sinais de que é hora de trocar os pneus do carro

    Powered by Rock Convert
    Facebook - Comentários
    #wpdevar_comment_2 span,#wpdevar_comment_2 iframe{width:100% !important;}

    Powered by Rock Convert
    Compartilhe
    Powered by Rock Convert

    Saber o momento certo de trocar os pneus do carro é uma das responsabilidades dos donos de automóveis. Além de oferecer riscos de segurança aos ocupantes do veículo, circular com pneus desgastados é uma infração grave, sujeita a multa e perda de 5 pontos na carteira. Mas você sabe verificar os sinais de que é hora de fazer a troca?

    Se tem dúvidas, não se preocupe. No post de hoje, veremos quais são os 3 principais sinais de que já é hora de trocar o pneu. Confira!

    1. Analise os sinais de desgaste

    O primeiro sinal que devemos verificar é se o pneu está desgastado. Após milhares de quilômetros rodados, é normal que o artefato fique careca, já que a banda de rodagem está sempre em contato com o asfalto. Entretanto, hábitos ruins de direção — como circular sempre em altíssima velocidade e fazer freadas e arrancadas bruscas — favorecem o desgaste prematuro.

    Sendo assim, verifique o indicador TWI (Tread Wear Indicator), também conhecido como barra de desgaste. Os TWIs são ressaltos de borracha com 1,6 mm de altura que ficam nos sulcos dos pneus. Se você tiver dificuldade em encontrá-los, procure por marcas indicativas em volta do item.

    Quando a altura da borracha (banda de rodagem) estiver desgastada ao ponto de ficar nivelada com o TWI, é hora de fazer a troca.

    2. Observe os danos nos pneus

    Podemos causar danos ao pneu, principalmente, quando passamos sobre buracos ou objetos com superfícies pontiagudas. Enquanto problemas simples — como um pequeno furo — podem ser reparados, cortes nas laterais costumam significar que a estrutura já está prejudicada e será preciso comprar um pneu novo.

    Por isso, verifique sempre se existe alguma rachadura, perfuração ou outro tipo de deformação — como bolhas. E procure a ajuda de um profissional para saber se os danos podem ser reparados ou não.

    3. Verifique indícios de envelhecimento

    Além dos hábitos de condução que já citamos, há outros fatores que afetam a durabilidade do pneu. Aspectos como temperatura, pressão e condições do local onde o carro passa a maior parte do tempo estacionado podem contribuir para o seu envelhecimento.

    Pode ser que os sinais de um pneu velho não sejam visíveis, mas a capacidade de sentir vibrações estranhas ao volante é capaz de indicar que esses itens estão comprometidos.

    De qualquer maneira, o mais indicado é sempre fazer manutenções preventivas. Ao realizarem esse serviço, os especialistas terão as melhores ferramentas para verificar se os pneus estão em boas condições. Eles saberão se é necessário realizar algum procedimento (alinhamento, balanceamento etc.) para melhorar a vida útil desses equipamentos ou se a única alternativa é a troca.

    Portanto, quando você perceber que está na hora da troca, leve o seu veículo a uma loja especializada e escolha uma marca preocupada com a sua segurança e que preze pela qualidade e durabilidade do seu pneu: procure um revendedor autorizado Goodyear.

    E então, gostou do nosso post? Agora que você já sabe verificar quando é a hora certa de trocar os pneus do carro, que tal aprender ainda mais sobre esse assunto? Veja a nossa lista de 6 coisas para saber sobre esse item!

    Facebook - Comentários

    Powered by Rock Convert
    Compartilhe

    O que achou do artigo? Deixe um Comentário

    Seu email não será divulgado.
    São campos obrigatórios *