Por que a manutenção preventiva é fundamental nas máquinas agrícolas?

    Facebook - Comentários
    #wpdevar_comment_2 span,#wpdevar_comment_2 iframe{width:100% !important;}

    Compartilhe

    Imagine que, depois de meses de cultivo da sua produção, chegou a hora de realizar a colheita. E aí, nesse momento, você se depara com problemas mecânicos em seus equipamentos. Já imaginou o prejuízo?

    É por isso que a manutenção de máquinas agrícolas deve ser feita corretamente e, de preferência, antes dos momentos de maior utilização dos equipamentos.

    A produção agrícola apresentou grandes avanços nos últimos anos com a adoção de maquinário moderno e eficaz.

    Com isso, os agricultores puderam substituir a ação humana pelo trabalho das máquinas, conseguindo produzir mais, perder menos na colheita e obter mais lucro. Porém, para que esse trabalho funcione bem, a manutenção preventiva é fundamental.

    Cuidado com a especificação de cada máquina

    Atualmente, existem máquinas agrícolas destinadas a trabalhar em todas as fases da produção. Você pode contar com o auxílio de uma plantadeira no início, parte para equipamentos de irrigação durante o processo e, por fim, colocar para funcionar as colheitadeiras.

    Cada tipo de máquina possui especificações e necessidades de manutenção completamente distintas entre si.

    Os tratores, por exemplo, precisam de cuidados com os semieixos, muito exigidos em terrenos acidentados. Também é necessário ficar atento à calibragem dos pneus: caso estiverem fora das especificações, podem causar danos às rodas ou mesmo se desgastarem prematuramente.

    Já as plantadeiras precisam de engraxamento correto em suas partes escamoteáveis, para evitar ferrugens e mau funcionamento. Outro aspecto é a limpeza das áreas que mais entram em contato com fertilizantes e outras substâncias químicas, o que pode causar corrosão.

    Esses são apenas alguns dos exemplos. O ideal é que você tenha uma pasta separada para guardar todos os documentos referentes a cada uma das máquinas, para saber quais são as manutenções necessárias para o seu bom funcionamento.

    Checagem diária de itens

    Como já foi dito, as máquinas agrícolas atuam em diferentes ocasiões da safra. Porém, isso não é motivo para que você deixe uma máquina que está ociosa no momento sem manutenção. Pelo contrário: é justamente nessa hora que elas precisam de cuidados para que estejam disponíveis para o trabalho.

    O ideal é que você tenha uma planilha em que conste todos os serviços realizados pela máquina e quais foram as manutenções feitas. A checagem de itens deve ser diária, para que você não perca o controle sobre a manutenção preventiva.

    Treinamento dos operadores

    Não tente cuidar de todas as suas máquinas sozinho, pois algum detalhe pode escapar. Os principais usuários das máquinas são os operadores, e é preciso que eles tenham total conhecimento sobre os equipamentos.

    Por isso, sempre que adquirir uma máquina nova, tente fazer um treinamento com seus funcionários para que eles aprendam sobre ela e saibam como cuidar da manutenção. Isso vale também para equipamentos que já estejam na sua frota, mas que necessitem de novos procedimentos orientados pela fábrica.

    Assim, você consegue fazer com que a manutenção preventiva seja uma tarefa de todos.

    Não seja pego de surpresa na hora de cuidar da sua produção. Fique atento à manutenção de máquinas agrícolas e garanta o melhor aproveitamento da safra! Se você quiser saber mais informações sobre esse e outros assuntos relacionados, curta a nossa página no Facebook!

    Facebook - Comentários

    Compartilhe

    O que achou do artigo? Deixe um Comentário

    Seu email não será divulgado.
    São campos obrigatórios *