3 dicas essenciais para evitar o sono no volante e viajar com segurança!

    Facebook - Comentários
    #wpdevar_comment_2 span,#wpdevar_comment_2 iframe{width:100% !important;}

    Compartilhe

    O sono no volante é um dos grandes problemas de quem precisa pegar a estrada. Afinal, essa é uma questão que pode colocar em risco a vida do motorista e de outras pessoas. Cerca de 20% dos acidentes de trânsito são causados por sonolência enquanto as pessoas dirigem, e essa é uma das principais causas de mortes no trânsito.

    Portanto, para reduzir esses números, é preciso que cada pessoa tome os devidos cuidados. Dessa forma, cuidar da própria saúde e ter boas noites de sono é essencial, assim como fazer pausas regulares para se alongar. A partir da mudança de hábitos e com medidas simples, é possível ajudar na redução dos números de acidentes e salvar vidas.

    Para dirigir com mais segurança e evitar o cansaço, confira 3 dicas do que fazer para não ter sono no volante. Boa leitura!

    1. Faça alongamentos nos momentos de parada

    Dirigir por muito tempo é prejudicial para o corpo e pode afetar a capacidade de atenção. Por isso, fazer paradas estratégicas é fundamental durante a jornada de trabalho. Desse modo, realizar pausas ajuda a despertar o corpo, deixá-lo mais ativo e ainda contribui para dirigir com mais calma.

    Nos momentos em que parar para um descanso, faça alongamentos e outros exercícios. Além disso, aproveite para se hidratar e respirar, tirando o foco da atividade. Ao passar muito tempo dirigindo, o cérebro se acostuma e fica cansado com aquela tarefa. É por isso que as pausas são tão importantes para espantar o sono.

    2. Invista em boas noites de sono antes de viajar

    Você sabia que passamos cerca de um terço da vida dormindo? E, por mais que pareça muito, esse é o correto. Para se manter saudável, é essencial respeitar o que o corpo deseja. Portanto, dormir é uma atividade de extrema importância e que precisa ser respeitada.

    Para proporcionar um sono adequado e revigorante, é necessário dormir de 7 a 8 horas por noite. Somente assim, o corpo consegue se recompor e funcionar com equilíbrio, algo primordial para a realização de tarefas que exigem muita atenção, como dirigir.

    3. Tenha uma alimentação leve

    Um dos aspectos mais importantes e que precisam de destaque é sobre o cuidado com o consumo de café. Por mais que pareça uma boa solução para espantar o sono, os efeitos têm curto prazo, o que faz com que se precise beber cada vez mais.

    A alimentação também é outro fator fundamental, pois alimentos muito gordurosos ou “pesados” tornam o processo digestivo mais lento e isso aumenta a sonolência. Por isso, refeições mais leves ajudam para manter o corpo mais desperto, e a quantidade também é outro ponto importante — portanto, não exagere.

    Apesar de tomar todos os cuidados, às vezes, o problema de sono no volante está ligado à qualidade das dormidas. Portanto, esses pontos precisam ser investigados por um profissional. Dessa forma, com o tratamento correto, é possível identificar distúrbios prejudiciais e melhorar as noites de sono.

    O que achou sobre as nossas dicas? Compartilhe o post nas suas redes sociais e mostre a importância de uma boa noite de sono!

    Facebook - Comentários

    Compartilhe